Volta a Ilha de Florianópolis de Jet Ski.

Volta a Ilha de Florianópolis de Jet Ski.
Compartilhe este artigo:

Fala Galera blz?

Hoje vamos falar da volta a ilha de Florianópolis. Tudo começou com uma grande amiga mudando de SP pra Floripa e com isso seu marido (Wellington) comprou um jet ski, conversando com ele mencionei que tinha vontade de dar a volta na ilha e ele topou na hora, convidamos mais um amigo de SP (Rogério) que também tem Jet e também topou, marcamos para o feriado de 01/05/17, dias antes da viagem comecei a procurar nas redes sociais se alguém ou algum grupo pensava no mesmo roteiro que nós e pra nossa felicidade encontramos o grupo @JetAdventure2016 e o @FloripaJet organizando a volta a ilha. Foi então que entrei em contato com Edilson do @JetAdventure2016 que foi muito atencioso e nos deu as coordenadas de local e horário de partida, o evento seria dia 29/04.

Dia 27/04 partirmos de SP sentido Floripa e chegando em Registro/SP uma surpresa, espanou a rosca da ponta de eixo da carreta, o mecanico apertou e fui devagar até Floripa, mas levei 11h de viagem, graças a Deus chegamos bem.

No dia seguinte mandei arrumar a carreta na Marina Sea Escape Oceanic no Balneario Estreito e fomos de Jet dessa Marina até a praia de Canasvieiras, passando por toda baia norte, ilha de raton, praia Daniela e Jurerê Internacional, um passeio muito agradável e um dia muito gostoso.

No dia seguinte acordamos cedo e fomos nos encontrar com a galera pra volta a ilha, enquanto descíamos os jets no balneário estreito conhecemos o Sandro e Alexandre Dutra do @FloripaJet que foram super gente boa com a gente e nos guiaram até o local da partida do encontro em Santo Antonio de Lisboa.

Sandro tirando uma Selfie da galera ainda no Balneário Estreito

Em Santo Antonio de Lisboa aguardamos a galera chegar e quando partimos estávamos em mais ou menos 40 jets.

Nossa primeira parada foi na Ilha do Campeche, local espetacular, as fotos não me deixa mentir, vejam:

Saindo da ilha do campeche seguimos sentido a ponta da galheta aonde contornamos e entramos no canal da barra da lagoa, seguimos até o posto de gasolina para abastecimento, muitos jets estavam na reserva, eu ainda tinha 1/4 mas com certeza não era o suficiente para continuar então enchi o tanque.

Entrada do Canal da Barra da Lagoa

De lá fomos para lagoa da conceição até o restaurante do Marquês da lagoa, onde almoçamos, confratenizarmos, vimos uma apresentação de Flyboard oferecido pela ProNautica.

 

Saindo de lá retornamos pro canal e seguimos pelo mar sentido norte da ilha, essa hora começou entrar um vento sul e o mar estava bem batido, foi o trecho mais desgastante do passeio, mesmo assim seguimos firme até a baia norte da onde partimos na Marina Sea Escape Oceanic no Balneário Estreito.

Aquele banho de mar pra fechar com chave de ouro

Ao todo foram 152km de navegação, 8h de passeio com muita adrenalina e desgaste físico, mas com certeza valeu muito a pena, conhecemos lugares incríveis e pessoas muito bacana, na qual temos contato até hoje, principalmente o Wellington marido de minha amiga que mora lá e passou a participar do @FloripaJet.

Compartilhem as historias de vocês, vamos trocar experiencias de passeios e rotas que ja fizemos. Abraços, Wilson

jetclube

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *